planta de cannabis de estresse térmico

3 maneiras de proteger suas plantas de cannabis do estresse térmico

Estresse por calor! Cultivar cannabis não é tão simples quanto cuidar de qualquer outra planta de casa. Mesmo com alimentação, rega e iluminação adequadas, você ainda pode encontrar suas ervas daninhas descoloridas e deformadas, e isso geralmente é causado pelo estresse térmico.

Geralmente, a cannabis é uma planta resistente e resistente. Muitas de suas variedades são originárias de regiões severas, como a cordilheira Hindu Kush e as tundras asiáticas. Apesar da força da planta, os produtores precisam mantê-los protegidos dos danos causados pelo superaquecimento.

Continue lendo para aprender mais sobre como cultivar um rendimento saudável durante o ano todo.

Identificando o estresse térmico

Uma maneira de dizer que suas plantas de cannabis sofrem muito calor é quando as folhas começam a se enrolar para cima. Eles também parecerão secos e murchos. Procure manchas grandes ou marrons que possam ser acompanhadas por manchas amarelas. Essas marcas desagradáveis são geralmente ao longo das bordas das folhas do ventilador, que são as áreas em linha direta de calor. Se você tem certeza de que sua planta de cannabis não está sofrendo de nenhuma outra deficiência nutricional, verifique se o problema está superaquecendo.

Durante a fase de floração, você pode detectar o estresse pelo calor se notar que novos brotos estão florescendo sobre os mais antigos. Os produtores chamam essa condição de “rabo de raposa”. É um mecanismo de sobrevivência da planta para continuar reproduzindo e gerando novas sementes.

Se você cultiva plantas de maconha ao ar livre, o estresse térmico é normalmente causado pelo clima brutalmente quente e seco. Dentro de casa, é causado por várias razões. Por um lado, você pode estar deixando as copas das ervas daninhas crescerem muito alto para alcançar a fonte de luz. O clima ainda desempenha um papel enorme em suas culturas de interior. Durante o verão, as tendas para cultivo podem ficar muito quentes se você não tiver ventiladores suficientes e um sistema de exaustão adequado.

Aqui estão três dicas para manter suas plantas de cannabis saudáveis e felizes, mesmo durante o verão:

1. Verifique se há fãs suficientes em seu espaço de cultivo

Onde quer que você cultive suas plantas de cannabis - em um armário, barraca ou porão - você precisa garantir que elas estejam recebendo um fluxo saudável de ar. A solução mais barata e direta é instalar ventiladores de refrigeração. O vento gerado pelos ventiladores elétricos ajuda a resfriar a área e mantém o ar circulando. Também garantirá que as ervas daninhas desenvolvam hastes mais grossas e mais fortes.

2. Instale o ar condicionado

A melhor coisa sobre o cultivo de suas plantas em ambientes fechados é que você tem total controle sobre o microclima do seu espaço. Se você mora em um ambiente quente, considere instalar uma unidade de ar-condicionado em seu espaço de cultivo. Embora seja uma solução mais cara, pode salvar suas colheitas de murchar e morrer.

3. Mude sua iluminação

Além da fonte de vento, sua iluminação também afeta drasticamente o seu rendimento. Se suas ervas daninhas começarem a mostrar sinais de estresse por calor, verifique se elas estão próximas da fonte de luz. Você pode reajustar a posição das luzes e mantê-las mais afastadas. Se as plantas ainda estiverem murchas, talvez seja hora de repensar suas luzes de cultivo. As luzes de descarga de alta intensidade podem ser muito severas para suas culturas sensíveis. Tente mudar para as luzes LED, pois elas são mais suaves para suas plantas e também muito mais baratas.

Para o novo hobby, o cultivo de maconha requer uma série de tentativas e erros. Você ganhará experiência à medida que avança, por isso, dedique um tempo para conhecer suas plantas!

Se você estiver procurando por RQS, cânhamo ou Sementes de CBD para crescer, entre em contato com a Coffee Shop Seeds para ver como podemos ajudar.

We Social #039; re Spread the Love